ideias-pregacao-parte1

Um dos grandes desafios do pregador é encontrar os temas e ter idéias para a pregação sem afastar-se da direção de Deus e orientação do Espírito Santo.

Você já ouviu a história do sujeito que ao se preparar para pregar disse: “Já sei o que pregar. Já tenho o tema. Só falta achar o texto bíblico…” ? Pois então, este pode ser um dos grandes problemas atuais para pregadores em nossas igrejas. É o início do erro: Sobrepor as idéias pessoais sobre a necessidade da igreja e o desejo do que Deus queira falar à sua Igreja no púlpito. Cada pregador deve se colocar como “boca de Deus” para a Igreja. Mas, para que isso não seja apenas mais um jargão e expressão vazia em nossos púlpitos, o pregador deve iniciar o diálogo com Deus desde o início do processo de pesquisa e elaboração do esboço do sermão. A pergunta fica: Onde encontrar idéias para a pregação?

Vejamos 7 pontos de como ter idéias para pregação:

1- Na Bíblia

O primeiro e principal lugar para encontrar idéias para a pregação é na leitura da Bíblia. Não digo a leitura formal e necessária para o preparo do esboço. Mas, aquela leitura bíblica e devocional que todo pregador tem de fazer diariamente. A leitura devocional é necessária para que o pregador esteja sempre em sintonia com Deus. Ouvir a Deus e esperar Dele aquela palavra designada para a Igreja tem de ser o alvo do pregador. Se você tiver o hábito do estudo diário das Escrituras Sagradas, quando chamado para pregar, quase que automaticamente, pode se cumprir a palavra dita: “Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.” João 14:26

2- Nos livros (De qualidade e, principalmente cristãos)

Os livros são fonte de observação e estudo da existência humana. Através deles é possível se conectar com o pensamento de outras pessoas; e muitas dessas que possuem experiências extraordinárias e afirmações importantes para o assunto da pregação. Isto significa o pregador dever ter o hábito da leitura de bons livros, principalmente os livros evangélicos. Mas, para sua formação cultural, também se faz necessário a leitura de livros seculares e que possa agregar algum conhecimento aproveitável na formação de seu conhecimento geral. Faça sempre estas perguntas: Este livro pode ampliar meu conhecimento? Colabora com a minha cosmovisão cristã?

3- Nos Fatos do Dia-a-Dia

Notícias, eventos sociais, tendências humanas e outros fatos do nosso dia-a-dia podem ser material para elaborar uma pregação bíblica contextualizada que pode despertar a atenção do ouvinte para o que a Bíblia diz a respeito destes fatos. Somos bombardeados pelas mídias com uma avalanche de informações e muitas destas tendenciosas a influenciar nossas escolhas, decisões e comportamentos. Quem já não viu determinada notícia iniciar-se assim: “Cresce o número de pessoas que fazem…” ou “A maioria da população está….”? Isto, provavelmente, se torna meio de levar a sociedade a se condicionar com determinados conceitos e princípios contrário à Palavra de Deus. Porque não contextualizar a pregação e contrapor isto tudo com a exposição da vontade de Deus contida na Bíblia?

4- Nas Experiências Pessoais

Um pastor de uma grande igreja passou pelo seguinte dilema: Com o aumento de membros da sua igreja, dividir seu tempo entre o contato com os membros (para orar, aconselhar e orientar) e o preparo do sermão pareceu aos olhos do líderes da sua Igreja sobrecarregar-lhe demais. Então sugeriram que ele se afastasse da assistência aos membros diretamente, e então outros co-pastores e líderes cuidariam disto, e se dedicasse exclusivamente ao preparo dos sermões. Diante da recusa disto ele explicou: “Se eu deixar de ter contato com o rebanho de Deus, em pouco tempo não terei mais o que pregar na Igreja.” As experiências pessoais que você e outros tem pode ser fonte de idéias para pregação. Ao observar as experiências de alguém com Deus, podemos extrair princípios universais que pode determinar o assunto da mensagem bíblica. Mas, cautela! Evite tornar isto apenas um testemunho pessoal ou citar nomes e informações que possa vir a prejudicar a essência da pregação: Transmitir a Palavra de Deus com relevância e eficácia ao ouvinte.

A SEGUIR:

 Onde Encontrar Idéias Para a Pregação? – Parte 2/2

Se não quer perder os artigos da série Prega a Palavra!, inscreva-se aqui abaixo e enviamos para seu email:

[contact-form-7 404 "Não encontrado"]
Author

Sou alguém que não se descreve em poucas palavras. Mas, fique tranquilo! Sou um cara legal... Sou Empreendedor, CEO da TechnoEasy, esposo, pai e servo de Cristo. Tenho a missão de entregar soluções digitais para empresas e pessoas alcançarem o potencial máximo de seus propósitos. Mas, sempre entendo que precisamos encontrar o verdadeiro propósito de nossas vidas em Cristo. Interessado em Tecnologia, Inovação, Empreendedorismo, Marketing, Teologia, Filosofia, Literatura e boas conversas com pessoas interessantes.

Write A Comment

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.